Aos 30 e os Desabafos

Em 07.12.2016   Arquivado em Desculpe o Transtorno

Além de ter um transtorno psicológico, a gente ainda tem que ter tato na hora de falar sobre ele.
Pode acontecer de uma resposta que envolva “eu tenho depressão/ansiedade/síndrome do pânico/bipolaridade…” fazer a pessoa devolver com expressões e atitudes que vão desde considerar vitimismo, passando por considerar frescura, falta de força de vontade até mesmo achar que estamos lançando a carta coringa para… sei lá por qual razão alguém acha que quem sofre disso usaria como desculpa.

Quem vai querer sofrer de algo que faz as pessoas se afastarem?
Que você começa a falar e recebe grandes silêncios, pois “está chato demais”?

E ó, não basta querer melhorar não!
Ou, sendo assim, vou começar a falar pras pessoas que basta querer que a diabetes é curada, ou uma miopia, ou uma gastrite.
Transtorno mental é doença e só não enxerga quem não sabe o significado de empatia!
Não é porque você não vê (até vê mas ignora) os sintomas físicos, não vê isso em exames, que deixa de existir!
Seu prego.

  • Lara Mello

    Em 07.12.2016

    Primeiramente, EU TE AMO!
    As pessoas nunca entendem porque elas são egoísta, é como você mesmo disse: EMPATIA. Tem gente que não tem.

    Ps: TENHO SENTINDO MUITO SUA FALTA!!!

    Lara Mello

  • Thais

    Em 07.12.2016

    É isso amoooooooo como vc define em palavras oque as eu sinto e nem consigo organizar nos pensamentos…..